Sem categoria

Mega. Pardal-das-Neves em Aljezur

14 Fev , 2016  

Com esta magnífica ave, Aljezur entra de rompante no panorama do birdwatching nacional.

, , ,

Sem categoria

Aves costeiras por trilhos descolhecidos

17 Jan , 2016  

Relatos de uma manhã de Janeiro à descoberta de um dos mais remotos troços da Costa Vicentina. Histórias de bastidores das contagens de aves costeiras invernantes na quadrícula #121, no âmbito do Projecto Arenaria.

,

Inverno, Inverno, Inverno

Observar aves no Natal

17 Jan , 2016  

Algumas notas sobre o tour do Natal 2015, guiado para a Naturetrek.

, ,

Sem categoria

Crónica de um final de tarde de Outubro

18 Out , 2015  

Os movimentos das aves anunciam a chegada da época invernante. Estamos em pleno Outubro em Sagres, tudo pode acontecer, e acontece.

, , ,

Sem categoria

Outubro. O mundo das aves está em mudança.

16 Out , 2015  

European Robin from Darren Bellarby

À medida que alguns dos últimos migradores partem rumo a África, chegam até nós as aves que anunciam a chegada do tempo frio. E é por alturas de meados de Outubro que este “virar da maré” é mais notório.

Sem categoria

O Verão acabou. Tempo de ir a Sagres.

23 Set , 2015  

O último dia de Verão foi passado a ver aves na península de Sagres. Muito vento, mais de 50 espécies. Sem surpresas.

, , ,

Observação de aves, Observação de aves

Observar aves em Aljezur

3 Set , 2015  

Uma manhã de observação de aves permitiu detectar 70 espécies de aves num raio de 10 minutos de viagem em redor da vila de Aljezur.

Migração outonal, Migração outonal, Migração outonal, Migração outonal

Finais de Agosto. A migração está aí

27 Ago , 2015  

A tão esperada migração outonal de aves está agora claramente em curso, e bastantes migradores vão já chegando a Sagres.

, , , , , , , , ,

Sensibilização ambiental

As aves nas férias escolares em Aljezur

2 Ago , 2015  

Tive o prazer de ser convidado pelo PNSACV para dar uma palestra a 90 crianças do concelho de Aljezur sobre as aves e habitats locais . Foi uma agradável experiência para todos, e no final o pinhal da Amoreira ficou com mais umas caixas-ninho.

, , , , , , , , , , , , , , ,